Mara Maravilha pretendia “mudar” antes de ser afastada do “Fofocalizando”; entenda

 

 
Fora do “Fofocalizando” desde a tarde da última sexta-feira (17) – e ainda sem se manifestar, oficialmente, sobre, exceto por uma breve mensagem no Instagram –, Mara Maravilha vinha prometendo modificar seu comportamento, alvo de críticas dos colegas e do público, no vespertino do SBT. Prova disso foi sua participação no quadro “Dando as caras”, no portal da revista Caras.
Vocês querem a Mara porreta? Vão ter a Mara porreta. Vocês querem a Mara Maravilha? Então terão a Mara Maravilha, mas esse, definitivamente, é o momento da Maravilha”, declarou ao programa, indicando que adotaria uma postura mais amena; talvez, evitando conflitos como convidados, como Douglas Sampaio, e colegas, especialmente Leo Dias e Lívia Andrade.

É muita pretensão a gente achar que o programa é uma pessoa. O programa é uma grande equipe e para colocá-lo no ar muita gente é envolvida. Nós temos orientação da direção geral, da direção do programa, da assessoria de imprensa do SBT e obedece quem quer e quem tem juízo”, disse Mara, arrematando com “eu sinto que o inverno passou e a primavera, finalmente, chegou”.

Ninguém ali é insubstituível, inclusive eu”, concluiu, ao ser questionada sobre certa supremacia sobre os demais apresentadores. A estadia de Mara Maravilha no “Fofocalizando” foi cercada de atritos e polêmicas. Nas redes sociais, a postura da apresentadora, de se sobrepor aos companheiros ou manifestar-se sem embasamento – como na entrevista com a atriz Maite Perroni – era alvo constante de críticas.

RD1