Padrasto confessa que mordeu e estuprou bebê de 1 ano


Bebê ficou com hematomas pelo corpo  (Crédito: Divulgação)



Na delegacia, o suspeito, de 17 anos, declarou que estava sob efeito de entorpecentes. A mãe do bebê, de 22 anos, também foi presa. Ela nega ter conhecimento do crime.

A pediatra que atendeu a criança em uma unidade de saúde na capital contou que o menino tinha diversas marcas de mordidas, hematomas de espancamento por todo corpo e ferimentos no pênis.

Na ocasião, a família negou que tivesse ocorrido violência contra o bebê.

A mulher foi detida ao prestar depoimento neste último domingo. Na delegacia, o adolescente confessou o crime à polícia e disse que estuprou e mordeu a criança.

Ele disse que estava sob efeito de drogas, mas que lembra com detalhes do crime. "Tava drogado, tinha cheirado pó. Só lembro que mordi. Eu brincava com ele", declarou.

O adolescente está apreendido na Delegacia Especializada em Apuração de Atos Infracionais (Deaai), onde aguardará decisão judicial. A mãe será levada à cadeia feminina.

Casal foi preso após bebê ser violentado (Crédito: G1)

Fonte https://www.meionorte.com/noticias/policia/padrasto-confessa-que-mordeu-e-estuprou-bebe-de-1-ano-295907