Fábio Assunção teria recusado auxílio da Globo e de amigos para tratamento contra drogas





Detido na madrugada deste sábado (24) por desacatar policiais militares e ter quebrado o vidro de uma viatura – durante o São João do Arcoverde, Pernambuco, onde lançava um documentário – Fábio Assunção teria recusado auxílio da Globo e de colegas para combater o vício em drogas e álcool, de conhecimento público há aproximadamente nove anos. A informação é do jornalista Ricardo Feltrin.

O comprometimento de Fábio com substâncias ilícitas veio à tona quando o ator foi detido em 2008 por policiais federais, na companhia de uma traficante em um flat. Desde então, a Globo se prontifica a custear tratamentos para seu contratado, que chegou a se internar várias vezes por conta própria, sem, no entanto, concluir as terapias que se propôs a fazer.
Amigos também sugeriram clínicas de reabilitação e médicos especializados, além do controverso Santo Daime, que Assunção teria chegado a experimentar. Por conta do envolvimento com drogas, o ator deixou a novela “Negócio da China” (2008), de Miguel Falabella, que alçou Ricardo Pereira ao posto de galã e ampliou a participação da mocinha Grazi Massafera para contornar os problemas gerados pela saída.

No mesmo ano, ele havia deixado o elenco de “A Favorita” antes das gravações, sendo substituído por Murilo Benício. Em 2011, abandonou “Insensato Coração”, após rodar as primeiras cenas da trama, em Florianópolis. Fábio Assunção voltou ao gênero no final de 2015, com “Totalmente Demais”. O ator enfrentou diversos percalços ao longo da trama, desde problemas gástricos até fraturas.

De acordo com Feltrin, no entanto, Assunção já estava outra vez seriamente comprometido pelo vício em substância ilícitas. Em abril do ano passado, ele foi detido em uma blitz no Rio de Janeiro por estar embriagado. Atualmente, o ator integra o elenco de “A Fórmula”, série estrelada por Drica Moraes e Luisa Arraes, com estreia prevista para julho.


Fonte:https://rd1.com.br/fabio-assuncao-teria-recusado-auxilio-da-globo-e-de-amigos-para-tratamento-contra-drogas/

0 Comentários